4 dicas para controlar a ejaculação precoce

Se falamos de ejaculação precoce de maneira técnica, devemos dizer que é uma falta de controle sobre o reflexo ejaculatório e se manifesta com uma repentina expulsão de sêmen que ocorre dentro de um minuto ou um minuto e meio da penetração.

Afeta uma porcentagem entre 25 e 40%  dos homens e até 70% sofreram ocasionalmente. No entanto, muito poucos ousam falar sobre isso, sem saber que isso pode ser o primeiro passo para resolver o seu problema.

Esse distúrbio comum da fase do orgasmo durante a relação sexual tem tratamento e sua prevenção está intimamente ligada à psicologia do paciente.

Por que isso está acontecendo comigo?

A perda de controle durante a relação sexual pode ser causada por diferentes causas. Existem outros biológicos – não devemos esquecer que a ejaculação precoce é uma alteração na sensibilidade dos receptores cerebrais da serotonina, mas também o estresse , a depressão ou as infecções do trato urinário ou da próstata.

Da mesma forma, homens que não têm relacionamentos com frequência têm maior probabilidade de sofrer com isso, assim como aqueles que consomem grandes quantidades de álcool , tabaco ou usam drogas.

Também não devemos ignorar fatores sociais, como medo de uma possível gravidez, porque eles também desempenham um papel muito importante nesse distúrbio.

Além do fato de não ser um problema sério, as consequências psicológicas que a ejaculação precoce pode causar para aqueles que sofrem com ela e, portanto, para seus parceiros, devem ser levadas em consideração. Encará-los a tempo é a chave e pode impedir a instabilidade emocional que gera e acaba quebrando até os relacionamentos mais consolidados. É por isso que hoje queremos oferecer uma lista de recomendações e truques que podem ajudá-lo a evitá-lo.

1 – Não negligencie sua dieta e seu estilo de vida

Exercitar-se diariamente, levando um estilo de vida equilibrado e cuidar da comida desempenham um papel essencial. Fuja de gorduras saturadas e torne-se um fã de melancia, rica em uma substância conhecida como citrulina, que relaxa e dilata os vasos sanguíneos. O alho também ajudará seu pênis a receber mais fluxo sanguíneo, assim como a romã, que pode melhorar a qualidade da ereção em até 32%.

Vale a pena investir em produtos naturais também, são ótimos e não tem efeitos colaterais, o Sperm Control funciona melhor até que o famoso azulzinho, pois além de ajudar na ereção ajuda no controle da ejaculação.

Além disso se instantes antes da relação você usar ervas medicinais como Epimedium, erva-mate, salsaparrilha ou camomila, isto ajuda bem.

2 – Respiração e relaxamento

Existem diferentes exercícios que ajudam a controlar a ejaculação precoce: respiração, músculo, estimulação de casais e masturbação. Mas vamos começar do começo.

A mera idéia de fazer sexo pode deixar o homem nervoso e começar a respirar bruscamente. Infelizmente, esse é o prelúdio da ejaculação precoce em uma alta porcentagem de casos. A respiração adequada durante a relação sexual é essencial ; portanto, respire fundo e faça 10 respirações lentas e profundas antes de começar. Respire fundo pelo nariz e expire pela boca ritmicamente.

Você também pode tentar exercícios de Kegel , ou exercícios projetados para fortalecer os músculos pélvicos. Eles consistem na contração e relaxamento desses músculos em intervalos de cinco segundos e sucessivamente e os especialistas recomendam realizá-los pelo menos 30 vezes por dia, sem exceder 100 repetições. Com eles, você aprenderá a controlar os músculos que influenciam e controlam a ejaculação.

Mas se há algo fundamental, é relaxar. Remova pensamentos negativos . Convença-se de que nada deve dar errado, você sabe onde está o erro e possui as ferramentas necessárias para controlá-lo. Você conhece a resposta do seu corpo à excitação, então deixe-se levar e divirta-se.

3 – Durante a relação sexual

Você está pronto para começar, mas primeiro uma pequena dica: vá ao banheiro para urinar antes de fazer sexo . Dessa forma, você poderá liberar a pressão sobre os órgãos genitais, o que favorecerá uma maior duração na cama.

Uma vez no ato, você pode colocar em prática um último exercício. Embora possa ser feito sozinho, é preferível fazê-lo em casal para criar um vínculo positivo. É conhecido como ‘start-stop’ e é basicamente uma técnica de masturbação que consiste em parar quando você sente que vai ejacular e deixar passar o momento de máxima excitação antes de retomar a massagem no pênis. Para que tenha efeito e o corpo se adapte a esse novo ritmo, você deve praticá-lo pelo menos duas vezes por semana.

Pratique jogos preliminares antes da relação sexual , não se apresse. E, acima de tudo, tente posições diferentes porque elas influenciam muito o ritmo e o nível de excitação masculina. Mudar dos que o aceleram mais para os mais manejáveis ​​pode ajudar a prolongar a ereção e retardar a ejaculação.

4 – Não sofra em silêncio

Fale francamente e sem esconder o que sente. Manter suas dúvidas e sentimentos por você só piorará a situação. Não fique obcecado, muito menos culpe o outro. Compreensão e diálogo são fundamentais , peça ajuda a sua companheira. Você nunca tem que culpar o homem pelo que está acontecendo com ele e, antes de tudo, você precisa tentar remediar como casal. Com boa vontade da parte de ambos, o problema não precisa continuar acontecendo.

Caso contrário, você sempre terá a ajuda de profissionais que podem recomendar um tratamento médico mais específico para o seu caso específico.